NELAS VEJO MINHA ALMA

NELAS VEJO MINHA ALMA
A suprema felicidade da vida é ter a convicção de que somos amados.

Seguidores

quinta-feira, 15 de outubro de 2009

O MISTÉRIO TEM SEU TEMPO


Vem noite silenciosa e extática,
Vem envolver o meu coração...
Com as estrelas luzindo em sua chegada
E a lua mostra a máscara misteriosa sobre sua face.
Quando chegas ninguém vê
Só eu te sinto
E só vemos nossos olhos fixos um ao outro
Todos os sons soam de outra maneira
O ar fica mais doce, o jardim exala um perfume especial.
Folha a folha lê em mim não sei que sina
E desfolha-me para seu agrado,
Em silêncio se esconde
Hoje que te amo, sei que o desejo assim.
Enquanto a lua refletir magia o amor vai estar aqui
A mesma mão que abafa o mistério
Corrompe no cansaço do tempo.
A lua começa ser real.

Adriana Leal

3 comentários:

  1. Enquanto a lua refletir magia o amor vai estar aqui
    A mesma mão que abafa o mistério
    Corrompe no cansaço do tempo.


    Lindíssimoooooooo..............Parabéns!

    Bom diaaaaaaaaaaaaaaa

    ResponderExcluir
  2. Adriana... Boa Noite!

    Recebi de Antonio José a incumbência de
    analisar Sites e Blogs para conceder-lhes
    o Sêlo do PORTAL ANTONIO POETA.

    Vim visitar seu BLOG e gostei muito.

    O Prêmio Fidalguia foi elaborado para
    brindar Blogs com conteúdo e beleza
    como o seu.

    Um abraço com toda minha admiração
    por suas belíssimas poesias!

    PARABÉNS!

    Verluci Almeida

    ResponderExcluir
  3. Adriana

    Não foi aceito o código do Sêlo.
    Saiu este aviso:

    [ Seu HTML não pode ser aceito:
    Tag is not allowed ]

    Poderia então enviar-me seu email
    para que eu possa enviar-lhe o código?

    meu email: verluci@netsite.com.br

    Obrigada!

    Verluci Almeida

    ResponderExcluir