NELAS VEJO MINHA ALMA

NELAS VEJO MINHA ALMA
A suprema felicidade da vida é ter a convicção de que somos amados.

Seguidores

sexta-feira, 1 de outubro de 2010

CANÇÃO DA TARDE




Final de tarde
Doce magia eu sinto no ar
Sol partindo
Lua chegando
Ventinho desarrumando meus cabelos
Sonhos soltos a buscar emoção

Meus pensamentos voam
Leves como algodão

Ouço o barulhinho do vento
Brincando com as folhas
Passarinhos passam alvoroçados
A buscarem seus ninhos
O sino da igreja se junta ao coral da natureza
A badalar o findar de mais um dia

Despeço-me dos últimos raios de sol
Totalmente envolvida pela magia do momento
Bailando na canção da tarde
Voando leve
Nem sinto meus pés no chão...

Glorinha Gaivota – GG

Nenhum comentário:

Postar um comentário