NELAS VEJO MINHA ALMA

NELAS VEJO MINHA ALMA
A suprema felicidade da vida é ter a convicção de que somos amados.

Seguidores

sábado, 23 de janeiro de 2010

Meu amor voa com suas asas largas e brancas




Acarinhar a ave em pleno vôo
quem pode?

Seu bailado de penas
seu desejo de verão inexistente
sua tristeza lenta e serena
sua fuga para a imensidão

assisto
como quem lamenta
não poder tocá-la!

Imperdoável
prender a ave
que quer voar...

Pecado
calar a nave do tempo...

mesmo quando o destino é o vago!

E deixá-la ao vento
determinado-alada
alada

solitária

Mauro Veras

Nenhum comentário:

Postar um comentário