NELAS VEJO MINHA ALMA

NELAS VEJO MINHA ALMA
A suprema felicidade da vida é ter a convicção de que somos amados.

Seguidores

terça-feira, 27 de janeiro de 2009

CAMINHOS FLORIDOS

A boca da primavera abre-se num sorriso cuspindo pétalas coloridas.

Sopra um sopro perfumado hálito brotado do profundo escuro frio...

garoa um aroma doce...

pinga gota à gota a alegria inventa um nó cego com os labirintos do tempo pulando a janela do inverno

onde o frio mascara a alma do mundo...

e desce solta a se despetalar pelas mãos do vento modelando no chão confetes em suas calçadas de rumo incerto.

As flores vestem a roupa dos dias onde as esquinas se dobram pedindo que o tempo pegue um atalho

e que acabe a falta de tempo e que o tempo nunca se acabe e que o hoje nunca termine...

Rosy Moreira

27/01/2009

Nenhum comentário:

Postar um comentário