NELAS VEJO MINHA ALMA

NELAS VEJO MINHA ALMA
A suprema felicidade da vida é ter a convicção de que somos amados.

Seguidores

segunda-feira, 16 de fevereiro de 2009

Encontro à Noite

Encontro à Noite
O mar cinzento,
a longa terra escura,
Baixa, ampla, meia-lua amarelada,
E as ondas em alarme a se impelir
Em ígneos aros vindos ao dormir;
Com a proa em riste chego à enseada,
E afogo a rapidez na areia impura.
Milha de praia quente, odor de mar;
Três campos a cruzar, até o recanto;
Um bater na vidraça, o lesto riscado
E jato azul de um fósforo inflamado;
Voz menos alta, em seu temor e encanto,
Então dois corações: soar soar.

Nenhum comentário:

Postar um comentário